06 Outubro, 2017 8:50

Trabalho do Piauí vai concorrer ao Prêmio Nacional do Programa Pesquisa para o SUS (PPSUS)

Foi concluído na última quinta-feira (05), o Seminário de Avaliação Parcial do Programa de Pesquisa para o SUS (PPSUS) que visava oportunizar aos pesquisadores a divulgação dos resultados parciais dos estudos financiados pelo programa no Piauí.

O PPSUS é uma iniciativa de descentralização de fomento à pesquisa em saúde nos estados brasileiros que promove o desenvolvimento científico e tecnológico, buscando atender as peculiaridades e especificidades de cada região e contribuir para a redução das desigualdades regionais.

De acordo com o consultor técnico do Departamento de Ciência, Tecnologia e Assuntos Estratégicos do Ministério da Saúde, José Elóy, o seminário foi uma oportunidade para os pesquisadores apresentarem os desdobramentos dos estudos após o primeiro ano de financiamento.

“O seminário consistiu na avaliação dos resultados preliminares dos projetos. Logo após a proposta, foi realizado um seminário marco zero, onde os pesquisadores apresentaram os projetos e o que seria desenvolvido, nessa apresentação teve uma banca formada por especialistas, que participaram do julgamento dos projetos e também gestores da Secretaria da Saúde que indicaram sugestões para os pesquisadores, ensejando uma melhor aplicação dos projetos no final. Após um ano de desenvolvimento das propostas, hoje nós estamos vendo como que está sendo este andamento”, afirmou.

A pesquisadora do Instituto Federal do Piauí (IFPI), professora doutora Elenice Monte Alvarenga, destacou que o seminário foi uma oportunidade para que os pesquisadores tenham uma ideia do que é esperado para seus estudos especificamente.

“É muito relevante esta oportunidade que a gente tem de vir aqui apresentar neste segundo seminário os resultados parciais para termos uma ideia do andamento, do que o pessoal espera de como estejam os projetos e para ter acesso às informações dos projetos dos outros pesquisadores, porque a gente também aprende assistindo as apresentações dos colegas”, afirmou.

As pesquisas do PPSUS estão sendo desenvolvidas no âmbito do Edital 002/2016, lançado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi). De acordo com a gerente técnico científica da Fapepi, Eliana Abreu, de 2004 a 2017, o programa já financiou mais de 100 pesquisas no Piauí.

“O programa PPSUS tem um diferencial em relação aos demais programas que a Fapepi executa porque ele trabalha diretamente com pesquisas voltadas para o SUS. No Piauí, desde 2004 a Fapepi vem desenvolvendo pesquisas do PPSUS, neste período já foram financiadas mais de 100 pesquisas dentro desta programação do Ministério da Saúde, juntamente com o CNPq. Nessa última versão nós estamos com 32 projetos de pesquisa, todos eles sendo executados nas instituições de ensino e pesquisa públicas do estado”, afirmou Eliana Abreu.

Vale lembrar que os dez melhores trabalhos do PPSUS-PI já foram selecionados e, dentre eles, apenas um será escolhido por uma comissão na Secretaria Estadual de Saúde do Piauí (Sesapi) para concorrer, representando o estado do Piauí, ao prêmio Nacional do PPSUS.