28 Novembro, 2017 12:40

III Workshop Piauí Solar reúne pesquisadores de vários estados e discute avanços na área

Começou na manhã desta terça-feira (28) o III Workshop Piauí Solar e o II Seminário de Pesquisa em Energia Solar do Piauí. O evento é fruto da parceria entre o Grupo Interdisciplinar de Pesquisa em Energia Solar (GIPES), a Universidade Federal do Piauí (UFPI), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI) e o Instituto Piauí Solar, além de contar com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi).

O professor do Departamento de Energia Elétrica da UFPI, Marcos Lira, é o coordenador geral do evento e explicou o objetivo. “A nossa missão foi reunir pesquisadores, estudantes e profissionais da área de energia solar fotovoltaica e discutir as políticas que estão em processo de mudança, sobretudo em nosso estado”.

Marcos Lira também chamou atenção para a inauguração, na mesma ocasião do Workshop, da maior usina de Energia Solar Fotovoltaica da América Latina, localizada no município de Ribeira do Piauí e que vai trabalhar com a capacidade de 292 MW, que é um índice muito alto.

O Diretor técnico-científico da Fapepi, Albemerc de Moraes, falou de muitos avanços do Piauí com relação ao uso da energia solar e também adiantou a notícia de que o estado terá em 2018 seu primeiro curso de pós-graduação em energias renováveis. Ele ainda ressaltou a contribuição de muitos convidados de outros estado no evento, vindos de Goiás, Tocantins, Brasília e Ceará.

Para Mirna Vaz da Rocha, Gerente do Serviço de Apoio às Micros e Pequenas Empresas do Piauí (SEBRAE-PI), o evento vai ao encontro da missão do próprio SEBRAE, que é contribuir com o desenvolvimento dos pequenos negócios. “O evento fala desse importante movimento que é desenvolvimento social e do ambiental, voltados para as energias renováveis, dentro do qual o Piauí tem destaque especial pelo seu potencial natural. E aqui viemos fazer um elo essencial, pois aqui temos a academia, governo e nós trazemos a linha do empreendedorismo”, comentou.

A manhã foi então marcada pela solenidade de abertura oficial do evento, com belas apresentações culturais. Seguiu-se a Conferência “Energia solar como vetor para o desenvolvimento” ministrada pelo palestrante convidado, Jurandir Picanço que é Conselheiro da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR).

Picanço explicou que a ABSOLAR tem o objetivo de promover o desenvolvimento e uso da energia solar fotovoltaica. “Estamos aqui no III Workshop Piauí Solar, que tem justamente esse objetivo em comum, e aqui teremos com certeza resultados muito bons, nesse estado que é o de maior concentração de radiação solar do país”.